In√≠cio Sistema Ocepar Comunica√ß√£o Informe Paran√° Cooperativo √öltimas Not√≠cias INOVA√á√ÉO NA PR√ĀTICA: Cooperativas apresentam casos de sucesso do Hub Senai Paran√° Cooperativo

 

 

cabecalho informe

INOVA√á√ÉO NA PR√ĀTICA: Cooperativas apresentam casos de sucesso do Hub Senai Paran√° Cooperativo

Profissionais da √°rea de inova√ß√£o de cooperativas de todo Paran√° reuniram-se, na manh√£ dessa quarta-feira (19/06), na sede da Ocepar, em Curitiba, para participar do evento Inova√ß√£o na Pr√°tica. Na oportunidade, foram apresentados casos de sucesso do Hub Senai Paran√° Cooperativo, uma parceria entre o Sistema Fiep e o Sistema Ocepar para disseminar a cultura e a pr√°tica da inova√ß√£o dentro das cooperativas. Dez cooperativas, dos ramos agropecu√°rio, sa√ļde, cr√©dito e trabalho, produ√ß√£o de bens e servi√ßos, apresentaram √†s demais participantes como j√° estruturaram ou como est√£o estruturando suas √°reas de inova√ß√£o e trouxeram exemplos bem-sucedidos de trabalhos que j√° trazem resultados.

Obriga√ß√£o - Na abertura do evento, o presidente do Sistema Ocepar, Jos√© Roberto Ricken, disse que a inova√ß√£o √© uma das prioridades dentro do novo ciclo do PRC, o planejamento estrat√©gico das cooperativas que ser√° lan√ßado em julho. ‚ÄúVamos trabalhar juntos. Inovar √© mais que uma necessidade, √© uma obriga√ß√£o. Voc√™s devem sempre se questionar: ‚Äėo que podemos fazer para inovar mais?‚Äô e o nosso papel √© incentivar e apoiar‚ÄĚ, declarou Ricken. 

Diretoria executiva - Toda a diretoria executiva do Sistema Ocepar participou da abertura do evento, refor√ßando a prioridade do tema dentro da institui√ß√£o. Leonardo Boesche, superintendente do Sescoop/PR, falou sobre o investimento nos programas de forma√ß√£o em inova√ß√£o.  ‚ÄúCome√ßamos em 2017, em parceria com o Isae, com o primeiro ciclo formando pessoas para estruturar as √°reas de inova√ß√£o dentro das cooperativas. Foram 500 alunos de 70 cooperativas em 17 turmas, com um curso de 192 horas‚ÄĚ, contou. Boesche frisou que a forma√ß√£o em inova√ß√£o n√£o para, ‚Äú√© um trabalho cont√≠nuo‚ÄĚ. O superintendente da Fecoopar, Nelson Costa, frisou que ‚Äúa inova√ß√£o est√° nos alicerces do cooperativismo‚ÄĚ. Al√©m disso, ele lembrou que a inova√ß√£o foi um dos sete temas estrat√©gicos trabalhados no 15¬ļ Congresso Brasileiro de Cooperativismo (CBC), realizado em Bras√≠lia, em maio, evento que definiu as diretrizes do cooperativismo nacional para os pr√≥ximos cinco anos.

Indicadores - O analista de inova√ß√£o do Sistema Ocepar, Jaffer Besen, organizador do encontro, informou que um dos pr√≥ximos passos do programa √© desenvolver os indicadores de inova√ß√£o. ‚ÄúTemos recebido v√°rios pedidos nesse sentido e vamos trabalhar nesses indicadores a partir do segundo semestre‚ÄĚ, informou. Para os profissionais que atuam na √°rea, ter indicadores √© fundamental para mensurar e demonstrar os impactos positivos da inova√ß√£o dentro das cooperativas, buscando a ades√£o da alta lideran√ßa e de todas as √°reas das organiza√ß√Ķes. 

Intelig√™ncia Artificial - A Cooperativa Integrada, que tem sede em Londrina, no norte do Paran√° e √°rea de abrang√™ncia que engloba 250 munic√≠pios paranaenses, mostrou que com o uso da Intelig√™ncia Artificial (IA) conseguiu reduzir de tr√™s dias para 20 minutos o tempo dedicado √† an√°lise e identifica√ß√£o de √°reas agricult√°veis. ‚ÄúCom isso, estamos melhorando a prospec√ß√£o de novos cooperados‚ÄĚ, contou Rennan Reichardt, especialista que atua na √°rea de projetos estrat√©gicos da cooperativa.

Trabalho e Servi√ßo - A cooperativa de Trabalho e Servi√ßo Unicampo, que tem sede em Maring√° e atua em todo o territ√≥rio nacional, iniciou h√° cerca de um ano o trabalho na √°rea de inova√ß√£o j√° desenvolveu nove projetos e tem outros dois em desenvolvimento. Um deles, de maior impacto, quer viabilizar a confer√™ncia autom√°tica de notas fiscais de despesas dos cooperados. Como o projeto ainda n√£o foi conclu√≠do, o servi√ßo ainda est√° sendo feito manualmente, conforme contou Micheli Maciel, que atua na √°rea.

Organiza√ß√£o - A cooperativa Sicredi Dexis apresentou sua sede de Maring√° como um exemplo de inova√ß√£o. O pr√©dio, inaugurado h√° um ano, √© totalmente sustent√°vel e recebeu a certifica√ß√£o Leed Platinum concedida pela GBC (Green Building Council), o mais alto grau de sustentabilidade no mundo. Tem abertura de vidro no √°trio central para aproveitamento da luz natural, pel√≠culas fotovoltaicas laminadas para gerar energia, sistema de capta√ß√£o de √°gua da chuva, entre outras iniciativas sustent√°veis. Al√©m do pr√©dio, a cooperativa de cr√©dito j√° desenvolvia v√°rios projetos de inova√ß√£o, mas de forma dispersa. ‚ÄúPrecis√°vamos construir a governan√ßa da inova√ß√£o e estamos fazendo isso desde 2022‚ÄĚ, conta Anna Let√≠cia Carlone, analista de Planejamento Estrat√©gico da Cooperativa.

Cultura da Inova√ß√£o - V√°rias cooperativas falaram sobre a necessidade de disseminar a inova√ß√£o dentro das organiza√ß√Ķes, j√° que muitas ainda t√™m resist√™ncia em inovar. ‚Äú√Č importante unir a cultura √† estrat√©gia e buscar o engajamento da lideran√ßa‚ÄĚ, defendeu Alessandro Branco, da Cooperativa Agr√°ria, de Guarapuava. Para ele, descentralizar a inova√ß√£o tamb√©m √© muito importante, envolvendo colaboradores de todas as √°reas da cooperativa.

Pioneira - Uma das pioneiras em inova√ß√£o no cooperativismo √© a Frimesa, cooperativa central que integra cinco cooperativas singulares, no oeste do Paran√°. ‚ÄúAcreditamos que a inova√ß√£o vai al√©m da tecnologia. A tecnologia √© uma ferramenta, a inova√ß√£o √© um processo‚ÄĚ, observou Quirino Vilas Boas, da √°rea de Pesquisa e Inova√ß√£o da Frimesa. Entre alguns resultados do trabalho de inova√ß√£o ele destacou o reuso da √°gua e a rastreabilidade.

Folha em branco - Por outro lado, a Cooperativa Witmarsum, com sede em Palmeira, nos Campos Gerais, √© uma das mais novas no processo de inova√ß√£o. William Dick, engenheiro de produ√ß√£o, t√©cnico em mecatr√īnica e especialista em administra√ß√£o do agroneg√≥cio, que est√° atuando na √°rea dentro da cooperativa, disse que a inova√ß√£o na Witmarsum at√© pouco tempo era ‚Äúuma folha em branco‚ÄĚ. Ele esclareceu que isso n√£o quer dizer que a cooperativa n√£o vinha inovando, mas n√£o existia uma estrutura de inova√ß√£o. Apesar disso, ele cita como exemplo de inova√ß√£o a produ√ß√£o de queijos finos da cooperativa, que j√° recebeu v√°rios pr√™mios. ‚ÄúH√° 20 anos n√£o havia produ√ß√£o de queijo fino no Brasil, basicamente s√≥ tinha produ√ß√£o de queijo prato e mu√ßarela e os queijos finos eram todos importados. Nos √ļltimos anos, a Witmarsum tem se dedicado ao desenvolvimento e produ√ß√£o de queijos vivos e hoje j√° √© refer√™ncia na √°rea‚ÄĚ, destacou.

Metodologia - Na cooperativa de cr√©dito Sicoob Sul at√© pouco tempo tamb√©m praticamente n√£o se falava em inova√ß√£o. A √°rea est√° sendo estruturada. ‚ÄúO trabalho come√ßou este ano. A inova√ß√£o j√° est√° no planejamento estrat√©gico da cooperativa e o hub veio num momento oportuno. Estamos agora definindo a metodologia‚ÄĚ, explicou Willian Robiran, gerente de Planejamento Estrat√©gico e Inova√ß√£o, destacando que participar do evento foi muito bom para aprender com as cooperativas que j√° est√£o mais avan√ßadas no processo.     

Conex√Ķes - Juliana Lenz, da √°rea de inova√ß√£o da Copagril, de Marechal C√Ęndido Rondon, tamb√©m destacou a atua√ß√£o do Hub Senai de Inova√ß√£o, especialmente do Hub Senai Agro, sediado no oeste do Paran√°. ‚ÄúO hub nos deu a oportunidade de conex√£o com outras cooperativas. N√≥s n√£o t√≠nhamos ideia de como come√ßar o trabalho, como estruturar a √°rea‚ÄĚ, lembra. A colaboradora falou tamb√©m sobre a import√Ęncia do envolvimento da dire√ß√£o da cooperativa e da participa√ß√£o de todos os setores.

Pessoas - ‚ÄúInova√ß√£o √© sobre pessoas‚ÄĚ, observou Everton Garba√ßo, da cooperativa Unimed de Cascavel. Ele contou que em 2017 a cooperativa criou um Canal de Ideias, estimulando colaboradores e cooperados a apresentarem sugest√Ķes de melhorias e apontarem problemas que pudessem ser resolvidos por meio da inova√ß√£o. Um dos resultados desse trabalho foi o desenvolvimento de um aplicativo de clube de descontos.

Futuro - Tamb√©m na √°rea da sa√ļde, a Unimed Curitiba falou sobre o trabalho na √°rea de Pesquisa e Inova√ß√£o. A coordenadora Rafaella Tiepo contou que a √°rea foi implantada em 2017. Hoje est√° mais robusta, contando com quatro pesquisadores. ‚ÄúUma das preocupa√ß√Ķes da nossa diretoria √© em rela√ß√£o ao futuro. Precisamos nos antecipar, pensar em como vai estar a sa√ļde daqui a 10, 20, 30 anos e inovar para poder atender‚ÄĚ, disse Rafaella.

Connect Week - Os participantes do evento Inova√ß√£o na Pr√°tica tamb√©m est√£o acompanhando a programa√ß√£o do Connect Week 2024 que tem como tema ‚ÄúInova√ß√£o para todos‚ÄĚ. O Connect Week re√ļne investidores, empres√°rios, startups, estudantes e entusiastas do assunto, com eventos acontecendo em 100 locais espalhados pela capital. O Sescoop/PR √© um dos apoiadores.

 

icone prcoop icone instagram icone facebook icone X icone linkedin icone youtube icone flickr icone endereco