cabecalho radio

Giro Cooperativo


1) Fórum da Ocepar discute soluções para ampliar acesso à internet no campo

Aconteceu dia 13/11, no Hotel San Juan, em Curitiba, o Fórum de Energia e Conectividade da Ocepar. O evento reuniu profissionais de cooperativas paranaenses das áreas de pesquisa, agronomia, infraestrutura e tecnologia da informação (TI). Também participaram representantes e técnicos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), da Fundação ABC, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq)/USP), além de empresas públicas e privadas das áreas de energia, telefonia móvel e internet.

2) PL aplicações financeiras tem novo relator
O deputado Luis Nishimori (PR), integrante da Diretoria da Frencoop, é o novo relator do Projeto de Lei (PL) 3.351/2019, que adequa a tributação sobre as aplicações financeiras de cooperativas. O projeto, que tramita atualmente na Comissão de Desenvolvimento Econômico da Câmara, é uma das prioridades da Agenda Institucional do Cooperativismo 2019, tendo sido aprovado recentemente na Comissão de Agricultura. O PL 3.351/2019 tem o objetivo de adequar a incidência tributária de Imposto de Renda (IR) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) em aplicações financeiras realizadas por cooperativas, buscando a interpretação de que essas devem ser tributadas de acordo com a base de cálculo de seu resultado financeiro (receita financeira menos despesas financeiras).

3) Curso orienta sobre normas legais e contábeis para auxiliar no fechamento de balanço
Os especialistas em contabilidade, Dorly Dickel e Diego Booni, estão orientando cerca de 50 profissionais das cooperativas paranaenses sobre o fechamento do balanço de 2019, com base em normas legais e contábeis, levando em consideração as últimas modificações ocorridas e as particularidades que devem ser observadas pelas cooperativas. A formação iniciou na manhã desta quarta-feira (13/11) e prossegue até esta quinta-feira (14/11), na sede do Sistema Ocepar, em Curitiba.

4) Adapar realiza cerca de 100 mil exames sanitários por ano
O Centro de Diagnóstico Marcos Enrietti, vinculado à Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), trabalha como apoio à defesa agropecuária do Paraná e realiza aproximadamente 100 mil exames por ano. Eles ajudam a manter a saúde animal e a sanidade vegetal de boa parte dos produtos consumidos no País e exportados.
Entre os laboratórios públicos, o paranaense é um dos maiores, com 42 exames acreditados pelo Inmetro e reconhecidos internacionalmente, além de ser credenciado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para doenças incluídas nos programas oficiais de controle ou erradicação.

baixar icon
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn