Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias REUNIÃO INSTITUCIONAL: CTA e Ocepar discutem perspectivas para o transporte de cargas no país

 

 

cabecalho informe

REUNIÃO INSTITUCIONAL: CTA e Ocepar discutem perspectivas para o transporte de cargas no país

Representantes da CTA (Cooperativa de Transporte de Astorga) e do Sistema Ocepar realizaram reunião institucional para discutir cenários e perspectivas para o setor, bem como para apresentar e debater os dados econômicos de acompanhamento de desempenho do ramo. Participaram do encontro, realizado por meio virtual na quinta-feira (16/09), o presidente da CTA, Denes Reis Fioresi, o diretor secretário Luiz Carlos Borgo, o segundo tesoureiro, Luiz Antonio Verri, e o conselheiro fiscal Luiz Carlos Zambon. Fundada em junho de 2002, a CTA tem atualmente 251 cooperados, com uma frota de 279 caminhões. Em 2020, a cooperativa teve um faturamento de R$ 30 milhões. 

Indicadores - O bom desempenho da agropecuária alavancou os negócios para os transportadores de carga. Estudo do monitoramento do Sistema Ocepar mostra que o ramo transporte, formado por 35 cooperativas, teve um crescimento de 17%, fechando o ano de 2020 com um faturamento de R$ 407,7 milhões. A participação do segmento de passageiros, que em 2019 foi de 1,67%, encolheu para 0,3% em 2020. Predominou o transporte de cargas, que respondeu por 99,7% do total faturado. No Paraná, o ramo transporte tem 3.759 cooperados e 165 funcionários. A frota é formada por 3.702 veículos, sendo 771 automóveis e vans destinadas a passageiros, e 2.931 caminhões e carretas bitrem. No ano passado, o volume de cargas cresceu 0,5%, com 12,7 milhões de toneladas transportadas, principalmente grãos (74%).

Objetivo - As reuniões institucionais têm por objetivo a apresentação e discussão da situação econômico-financeira das cooperativas registradas no Sistema Ocepar. Desde o início do ano, já foram realizadas mais de 70 reuniões, com cooperativas dos sete ramos agropecuário, transporte, crédito, saúde, infraestrutura, consumo, trabalho e produção de bens e serviços. A reunião desta quinta-feira, com a CTA, foi conduzida pelo coordenador de Autogestão do Sescoop/PR, João Gogola Neto, e o analista técnico Jessé Rodrigues. Também participaram do encontro, o analista técnico Rodrigo Gandara Donini, além do coordenador jurídico da Ocepar, Rogério Croscato.

 

Monitoramento - O monitoramento das cooperativas faz parte das atribuições do Sescoop/PR. Como entidade do Sistema S que atende ao setor cooperativista, o Sescoop tem por finalidade a formação profissional, promoção social e o monitoramento das cooperativas filiadas ao Sistema Ocepar, sendo que o objetivo do monitoramento é voltado à autogestão das cooperativas. Com o uso de ferramentas que mensuram quantitativa e qualitativamente o desempenho, obtém-se um raio X completo da cooperativa para auxiliar na avaliação e melhoria dos processos (gestão e governança) e acompanhamento dos resultados (desempenho).

 

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias