Início Sistema Ocepar Comunicação Informe Paraná Cooperativo Últimas Notícias REUNIÃO INSTITUCIONAL: Primeiro encontro de 2021 é realizado com a Lar Credi

 

 

cabecalho informe

REUNIÃO INSTITUCIONAL: Primeiro encontro de 2021 é realizado com a Lar Credi

O Sistema Ocepar promoveu, na tarde desta terça-feira (23/02), a primeira reunião institucional virtual de 2021, dentro do Programa de Autogestão, com a Lar Cooperativa de Crédito - Lar Credi, constituída em agosto do ano passado e que está se preparando para entrar em operação, após obter a autorização do Banco Central do Brasil. A nova cooperativa, sediada em Medianeira, no Oeste do Estado, esteve representada pelo diretor vice-presidente, Lauro Soethe, e pelo gerente geral, Marino Niehues. Também participaram o gerente de risco, Giuliano Andrey de Oliveira, a contadora Loana Octaviano, e o coordenador administrativo, Marcio José Ferreira.

Expectativa - Segundo Soethe, a Lar Credi deve começar a operar em breve. Entre os meses de março e abril, será realizado o cadastro dos produtores associados e finalizados os procedimentos para que o atendimento possa ser iniciado. “Nossa expectativa é muito grande em relação ao início das operações e estamos muito confiantes”, afirmou.

Cooperados e funcionários - “A Lar Credi é uma das últimas cooperativas de crédito ‘solteira’, ou seja, que não está vinculada a nenhuma central, aprovada pelo Banco Central”, destacou ainda o gerente geral, Marino Niehues. “Nós vamos atuar no Paraná e no Mato Grosso do Sul, com 15 pontos de atendimento ainda neste ano. Também faz parte do nosso planejamento ter um ponto em Santa Catarina. A Lar Credi nasceu com o objetivo de atender os associados e os funcionários da Cooperativa Lar. Ela estará dentro da cooperativa de produção, como ocorreu no passado com o Sicredi, apoiando os negócios da própria cooperativa, dos seus funcionários e associados”, frisou. Atualmente, a Lar Cooperativa Agroindustrial possui 11.762 cooperados e 18.889 funcionários. Os pontos de atendimento da Lar Credi irão funcionar nas Unidades da Lar Cooperativa Agroindustrial.

Abertura - Ao abrir a reunião institucional, o superintendente da Ocepar, Robson Mafioletti, parabenizou a Lar Credi e colocou o Sistema Ocepar à disposição do novo empreendimento cooperativo. “Contem conosco. Nós estamos atuando no lado certo da economia. Trabalhamos com alimentos, que têm demanda agora e também no futuro. E o crédito é a alavanca para fazer a roda girar mais rápido. Parabéns pela iniciativa”, afirmou. Mafioletti destacou ainda a força do cooperativismo de crédito e o apoio que o segmento está recebendo do Banco Central para conquistar mais espaço no sistema financeiro nacional.

Reuniões - “Nós tivemos uma reunião na semana passada com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, discutindo crédito rural. E ele afirmou que o foco do governo federal é apoiar o cooperativismo de crédito, para que o ramo tenha 20% de participação no mercado financeiro do Brasil daqui a um período. Também estivemos nesta segunda-feira (22/02) com o diretor do ministério da Agricultura, Wilson Vaz. De acordo com ele, o único setor que cresceu nos últimos 10 dez anos na disponibilização de crédito foram as cooperativas de crédito e não os grandes bancos, sejam eles públicos ou privados”, ressaltou. Mafioletti lembrou ainda que o Sistema Ocepar criou um comitê formado por representantes do cooperativismo de crédito paranaense, que se reúne frequentemente para levantar e encaminhar as demandas do ramo. “Nós convidamos vocês para participarem desse grupo, que foi formado com o objetivo de mantermos um bom convívio e atender as necessidades específicas do segmento”, acrescentou.  

Números - O Sistema Ocepar promove as reuniões institucionais com o propósito de apresentar o cenário econômico-financeiro da cooperativa, por meio de indicadores e comparativos com outras cooperativas paranaenses do mesmo ramo e região. Mas como a Lar Credi foi criada recentemente, no encontro foram repassados dados gerais do cooperativismo de crédito. “Não vamos fazer uma análise dos resultados da cooperativa pois ela foi recém-constituída e não está operando ainda. As informações que serão apresentadas nesta reunião são para mostrar o contexto em que a Lar Credi está inserida neste momento, principalmente em relação às cooperativas independentes rurais, e os seus indicadores perante os demais sistemas, como o Sicredi, Sicoob, Uniprime e Cresol”, explicou o coordenador de monitoramento da Gerência de Desenvolvimento Cooperativo, João Gogola Neto.

Primeira mão - Ele apresentou, em primeira mão, os números consolidados do cooperativismo de crédito paranaense às lideranças da Lar Credi. Gogola iniciou destacando os dados nacionais, com base no levamento feito pelo Banco Central referente ao ano de 2020. Segundo o BC, no país há 847 cooperativas de crédito singulares, 34 centrais e duas confederações que representam o ramo. Ao todo são 12.350.311 cooperados, dos quais 1.806.435 são pessoas jurídicas e 10.543.876 pessoas físicas. O Paraná é o segundo estado em número de cooperados, mais de 2,2 milhões. O primeiro é o Rio Grande do Sul, com mais de 2,4 milhões de cooperados. No ano passado, o cooperativismo de crédito somou R$ 197,4 bilhões em carteira de crédito e R$ 218, 2 bilhões no total de depósitos no país. Novamente o estado do Paraná assumiu a vice-liderança nacional, atrás do Rio Grande do Sul, com R$ 35,3 bilhões na carteira de crédito e R$ 38,2 bilhões no total de depósitos.

Paraná - Já o levamento feito pela coordenação de monitoramento do Sistema Ocepar mostra que 2020 foi encerrado no Paraná com 56 cooperativas de crédito registradas na entidade. O Sistema Cresol é formado por uma central e 14 singulares; o Sicoob por uma central e 14 singulares; o Sicredi por uma central e 24 singulares, e a Uniprime por uma central e cinco singulares. Há ainda seis cooperativas singulares independentes urbanas e três independentes rurais. “São 1.015 Pontos de Atendimento Cooperativo (PACs) em todo o estado, dos quais 954 são de cooperativas com sede no Paraná. Além disso, em 89,5% dos 399 municípios paranaenses há um ponto de atendimento. As nossas cooperativas de crédito também têm unidades de atendimento em diversos outros estados, pois elas estão expandindo fronteiras”, destacou Gogola.

Mais dados - O cooperativismo de crédito paranaense encerrou o ano passado contabilizando patrimônio líquido de R$ 8,6 bilhões, ativos de R$ 83,6 bilhões, captações de R$ 44.38 bilhões, faturamento de R$ 7,8 bilhões, R$ 1,17 bilhões de sobras, antes das destinações, e R$ 348 milhões em impostos recolhidos. O total de funcionários chegou a 14.800. A apresentação de Gogola seguiu com o detalhamento de uma série de outros dados, finalizando com os indicadores econômicos, financeiros e operacionais e a evolução dos quadros social e laboral do ramo crédito no Paraná que, em 2020, apresentaram crescimento de 15% e 4,7%, respectivamente. “Todas essas informações e os cenários comparativos são gerados para que vocês possam utilizar no dia a dia da cooperativa. São dados significativos e nós nos colocamos à disposição para atender a Lar Credi naquilo que vocês precisarem”, finalizou Gogola. “Agradecemos pela qualidade das informações que vocês nos apresentaram. Servirá como um norte para nós e vai nos ajudar muito”, disse o diretor vice-presidente, Lauro Soethe. “É muito importante manter esse canal de comunicação. Precisamos de boas trocas de informações”, disse ainda o gerente geral, Marino Niehues.

Participantes - A reunião institucional com a Lar Credi também foi acompanhada por profissionais das gerências de Desenvolvimento Cooperativo e de Desenvolvimento Técnico do Sistema Ocepar.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias