cabecalho informe

AGRÁRIA: Encontro online reúne multiplicadores de sementes da cooperativa

Entre os muitos fatores que influenciam um bom resultado no final da colheita está a qualidade da semente plantada. Por isso, na última terça-feira (26/05), a Agrária promoveu uma reunião online com seus multiplicadores de sementes.

Cooperados - Atualmente, cerca de 40 famílias de cooperados participam da atividade. Toda matéria-prima produzida por eles é destinada à Agrária Sementes. Dentro da unidade de negócio acontece o beneficiamento deste material, que posteriormente é utilizado no campo.

Assuntos - Na reunião foram tratados assuntos como documentações e laudos necessários para a realização da multiplicação, além de parâmetros para o recebimento de sementes. Os cooperados também foram informados sobre as novas regras do Programa Sinergia.

Qualidade - O Sinergia foi criado há aproximadamente dois anos, com o objetivo de avaliar a qualidade das sementes entregues pelos multiplicadores. O Programa analisa indicadores como: implantação dos campos de sementes; acompanhamento de laudos de vistoria; participação em reuniões e treinamentos; e aproveitamento do volume de matéria-prima na recepção.

Classificação - Através da pontuação nos indicadores os multiplicadores são classificados em quatro níveis. É esta classificação que define a bonificação que será concedida ao cooperado.

Importância - Durante o encontro, o gerente de Operações e Logística da Agrária, André Spitzner, destacou a importância que os multiplicadores têm para o negócio de sementes. “Os multiplicadores são uma extensão do sistema da Agrária Sementes. Não existe multiplicação de sementes sem o produtor”, afirmou, ressaltando que estão sendo realizadas mudanças na Unidade de Beneficiamento de Sementes, com o intuito de tornar o processo de recepção mais qualificado e ágil.

Potencial - O cooperado David Naiverth participa da multiplicação de sementes há pouco tempo, mas considera que a atividade tem potencial de crescimento dentro da cooperativa e pode gerar mais rentabilidade aos produtores no futuro. “É um produto que pode ter muito valor agregado. Trata-se de uma via de mão dupla, sem multiplicador não há a Agrária Sementes e vice-versa. Por isso, as duas partes precisam trabalhar juntas”, disse. (Imprensa Agrária)

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to LinkedIn

Últimas Notícias